Comida saudável20/02/2013 | 16h01

Mitos e verdades sobre alimentos que fazem bem ou mal à saúde

É importante conhecer as funções e identificar a necessidade de consumir cada grupo alimentar

Enviar para um amigo
Mitos e verdades sobre alimentos que fazem bem ou mal à saúde Caco Konzen/Especial
Vitaminas do tipo A, C e ferro se encontram nos alimentos da cor amarela, alaranjada e vermelha Foto: Caco Konzen / Especial
Adotar uma alimentação balanceada garante mais saúde, promovendo bem-estar e conferindo mais energia para realizar atividades físicas. Para usufruir tais benefícios é fundamental acertar nas combinações entre os alimentos. O cardápio deve conter vitaminas, minerais e proteínas, pois o corpo necessita de todos estes itens. Também é importante atentar-se aos valores nutricionais de cada alimento para conseguir identificar quais são os verdadeiros mocinhos em uma alimentação saudável. De acordo com a médica ortomolecular Anna Bordini, em prol da saúde vale criar bons hábitos alimentares.

— A pessoa deve se interessar em conhecer os alimentos, suas funções e identificar a importância em consumir cada grupo alimentar — determina.

A mudança de hábito não é tarefa fácil, mas é vantajoso manter uma alimentação saudável e fugir dos alimentos que podem trazer riscos à saúde. Vilões ou mocinhos? Feijão é ótima fonte de ferro? Comer ovos todos os dias faz mal? Café é benéfico à saúde? São muitas as dúvidas quando o assunto é alimentação. E para desvendá-las, a médica Anna Bordini listou os principais mitos e verdades sobre os alimentos. Confira:

• O cardápio deve ser sempre colorido?
Verdade: Ao apostar em um prato colorido, a pessoa está consumindo grande variedade de nutrientes. É possível, por exemplo, consumir vitaminas do tipo A, C e ferro ao optar por alimentos da cor alaranjada, amarela e vermelha na hora de compor a refeição.

• Suco de laranja com berinjela emagrece e combate o colesterol?
Verdade: Todos os legumes e frutas ajudam a diminuir a absorção de gordura dos alimentos. Porém seu consumo não é suficiente para substituir ou dispensar os remédios.

• Feijão é a melhor fonte de ferro?
Mito: A carne vermelha, o frango, o peixe, os frutos do mar e os ovos são as melhores fontes de ferro. Nos alimentos de origem vegetal é possível encontrar ferro em grãos como lentilha, grão de bico, açaí, amêndoas e folhas verdes escuras, como espinafre e couve.

— O ferro de origem animal é mais bem absorvido pelo organismo em comparação ao mineral encontrado em legumes e vegetais — destaca a médica.

• Café consumido em excesso faz mal à saúde?
Verdade: O café é composto de nutrientes ricos em potássio, zinco, ferro, magnésio, entre outros.

— Quando é consumido de forma moderada proporciona um estado de alerta e melhora a concentração. Porém, se existe abuso pode provocar palpitações, insônia, tremores, dores de cabeça e ansiedade. O ideal é consumir de três a cinco xícaras por dia — afirma Anna.

• Consumir ovos diariamente prejudica a saúde?
Mito: Não há problema em ingerir ovos, diariamente. O ovo é rico em luteína e zeaxantina, nutrientes essenciais para a manutenção da saúde dos olhos. Além disso, é uma fonte de colina, que protege o sistema cardiovascular de ataques cardíacos, coágulos sanguíneos e derrame. A melhor forma de consumi-lo é cozido e por meio de gemada.

• Margarina é sempre melhor que manteiga para a saúde?
Mito: A margarina contém gordura 'ácidos graxos trans', que pode ser prejudicial assim como a gordura saturada ou o colesterol. O consumo de margarina provoca o aumento dos níveis de colesterol, triglicerídeos e a diminuição do HDL (bom colesterol), por mecanismos indiretos. Se a pessoa deseja manter a saúde e diminuir o colesterol, o ideal é evitar alimentos com fonte de gorduras hidrogenadas, como as margarinas. Procure substituir a margarina e a manteiga por requeijão light ou cream cheese light.

• Chocolate faz bem?
Verdade: O chocolate possui procianidinas e outros antioxidantes que ajudam a proteger os vasos sanguíneos e a prevenir aterosclerose. Além disso, ele libera endorfina e serotonina ao organismo, hormônios que causam sensação de bem-estar. Porém, não é qualquer chocolate que faz bem, e isso depende muito da quantidade e do tipo de chocolate. O amargo, por exemplo, traz mais benefícios à saúde porque é feito com cacau puro e sem a gordura do leite. Mas vale um alerta para o consumo em excesso:

— O chocolate é muito calórico e deve ser ingerido em quantidade moderada para evitar o aumento de peso. O ideal é uma barra pequena, de 30 a 50g, no máximo, por dia — orienta.

• Comer fibras resolve o problema de prisão de ventre?
Verdade: As fibras podem favorecer o funcionamento intestinal, assim como provocam inchaço, gases e o aumento do bolo fecal.

— O segredo é consumir alimentos ricos em fibras, pois eles acabam deixando mais resíduos no organismo que contribuem para o funcionamento do intestino e para a formação do bolo fecal — diz a médica.

Além disso, beber bastante água também é importante, pois ela impede o ressecamento das fezes e, consequentemente, evita a prisão de ventre.

Quem tem problema gástrico deve beber leite e não suco de laranja?
Falso. Na verdade o leite pode realmente aumentar o pH, dando uma falsa sensação de melhora inicialmente, porém haverá o efeito rebote, ou seja, uma produção posterior de ácido que pode agravar o problema.

• É melhor fazer seis pequenas refeições que apenas uma reforçada?
Verdade: Se você ingere 1.000 calorias de uma vez e fica sem comer o dia todo, a tendência é ganhar mais peso e guardar mais energia.

— O ideal é ingerir as mesmas calorias de forma fracionada para que não ocorra a necessidade de desacelerar o metabolismo. Dessa maneira a pessoa vai queimar o que consumiu sem passar fome e pode até perder alguns quilinhos — acrescenta Anna Bordini.

Notícias Relacionadas

O risco da comodidade 14/02/2013 | 16h01

Comidas prontas ultraprocessadas são um perigo para a saúde

Elas estão por todos os lados e podem fazer um estrago no organismo se consumidas em excesso

Amenize a perda 13/02/2013 | 13h57

Veja quais alimentos são indicados para repor o colágeno

Dieta adequada ajuda a retardar o envelhecimento

Naqueles dias 05/02/2013 | 14h02

Saiba como evitar os sintomas da TPM consumindo alimentos apropriados

Irritabilidade, choro, compulsão alimentar, falta de sono e dor de cabeça caracterizam o período

Bom, barato e saudável 04/02/2013 | 16h01

Dieta protetora com base em alimentos do Brasil reduz risco cardíaco

Ingredientes da reconhecida dieta mediterrânea foram substituídos por comidas brasileiras

De bem com o coração 04/02/2013 | 14h01

Estudo revela que ser vegetariano é melhor para saúde cardiovascular

Pessoas que não consomem carne têm menor pressão arterial e baixo nível de colesterol

Alimentação saudável 29/01/2013 | 18h41

Seu corpo depende daquilo que você ingere. Veja se a sua dieta está adequada

Hábitos alimentares no Brasil mudaram para pior, carne gordurosa se tornou grande vilã

Comentar esta matéria Comentários (1)

Francisco

Matéria muito interessante,gostei.

21/02/2013 | 07h10 Denunciar

Siga Diário Catarinense no Twitter

  • dconline

    dconline

    Diário Catarinense#Eleições2014: no Centro de Florianópolis, militantes azuis e vermelhos criaram um clima de Guerra Fria. http://t.co/DAADLewuXChá 18 minutosRetweet
  • dconline

    dconline

    Diário CatarinenseQuinta-feira será de sol e tempo seco na maior parte de SC. Confira a previsão completa: http://t.co/vyT8c4GmlX http://t.co/DM7TsGu7xHhá 1 horaRetweet
Diário Catarinense
Busca
clicRBS
Nova busca - outros