Saúde13/03/2012 | 13h57

Pneumologista dá dicas para amenizar problemas respiratórios causados por tempo seco

João Batista Bonnassis Junior participou de um bate-papo nesta terça-feira

Enviar para um amigo

O tempo seco afeta a saúde de muita gente. Sintomas como pele ressecada, irritação nos olhos, nariz entupido e boca seca causam transtornos quando há pouca umidade do ar. O pneumologista João Batista Bonnassis Junior participou de um chat nesta terça-feira e tirou dúvidas de leitores sobre o problema.

Para minimizar o desconforto causado pelo ar seco, o médico recomenda tomar muito líquido, principalmente água, pelo menos oito copos por dia, e evitar o sol forte entre 10h e 15h. Bonnassis orienta a colocar bacias com água, toalhas molhadas e umidificadores dentro de casa, o dia todo e à noite. No nariz, usar soro fisiológico e descongestionantes nasais para que se possa respirar pelo nariz, e não pela boca, protegendo os pulmões do ar seco. Quem tem asma deve evitar os exercícios físicos nessa época do ano, evitando respirar pela boca.

De acordo com o médico, equipamentos como umidificadores e desumidificadores ajudam a manter a umidade de locais fechados em um nível confortável. Os sintomas de rinite e do resfriado são muito parecidos e o médico faz um alerta: muitas vezes a rinite é um terreno fértil para instalação de uma infecção (resfriado).

Bonnassis destaca que o tempo seco também pode afetar não apenas o sistema respiratório. Segundo ele, a pele perde a oleosidade natural, por isso precisa ser protegida com roupas leves e hidratantes para não ficar ressecada, não rachar.

— Lábios Também sofrem com a seca e, quando não são protegidos com hidratantes, manteiga de cacau ou batom, racham facilmente e até sangram. Olhos Ficam irritados, secos, ardem e lacrimejam, como se estivessem cheios de areia — diz.

Segundo ele, com menos líquido no organismo o sangue fica mais concentrado, aumentando a pressão nos vasos sanguíneos, causando dor de cabeça. Os rins tendem a eliminar menos líquidos e concentrar urina, não mandando para a bexiga, o que pode resultar em cálculos renais. Confira a íntegra do chat abaixo:

DIÁRIO CATARINENSE

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários
clicRBS
Nova busca - outros