Novo ataque07/03/2012 | 06h51

Assaltantes explodem caixa eletrônico de cooperativa de crédito de Pomerode

Ação durou cerca de três minutos e não há registro de tiros

Assaltantes explodem caixa eletrônico de cooperativa de crédito de Pomerode Artur Moser/Agência RBS
Segundo a Polícia Militar de Pomerode, toda a ação durou menos de três minutos Foto: Artur Moser / Agência RBS

Correção: Das 06h51min até as 10h20min, este site informou equivocadamente que o nome da cooperativa atacada era Creditêxtil. Na verdade, Creditêxtil era o nome antigo da cooperativa, que agora se chama Acredi Coop. O texto foi corrigido.

Os ataques a caixas eletrônicos de agências bancárias, que estão acumulados em 56 desde janeiro de 2011, agora registram uma nova ocorrência. Por volta de 3h desta quarta-feira, quatro homens invadiram a cooperativa de crédito Creditêxtil de Pomerode e explodiram o único terminal da agência, que fica na rodovia SC-418. Após o assalto, todos fugiram e ninguém foi localizado até o momento.

Segundo a Polícia Militar de Pomerode, toda a ação durou menos de três minutos. O bando estava armado com armas longas, semelhantes a fuzis, e revólveres. A fachada da agência ficou destruída com o impacto da detonação.

Vizinhos relataram aos policiais que ouviram a explosão e abriram as janelas para ver o que estava acontecendo. Um dos assaltantes teria mandado que voltassem para dentro de casa e fingissem que nada tinha acontecido. Com medo, as pessoas se recolheram e chamaram a PM.

Depois de explodir o caixa eletrônico, eles teriam levado o dinheiro. Nenhuma cápsula foi encontrada e os vizinhos não relataram ter ouvido disparos de tiro. A ação foi rápida e durou aproximadamente três minutos. Os homens teriam fugido em uma camionete Nissan Frontier de cor prata.

O valor levado por eles ainda não foi divulgado. Uma equipe do Instituto Geral de Perícias (IGP) de Blumenau é aguardada para averiguar o local ainda nesta manhã e coletar pistas que podem ajudar a identificar os criminosos.

Este é o segundo ataque a caixas eletrônicos registrado em Pomerode. Em 18 de dezembro do ano passado, cinco homens explodiram um equipamento do HSBC durante a madrugada.

A Polícia Militar não descarta que haja relação entre os dois ataques, assim como com outras explosões registradas na região.

Em reunião na tarde da última terça-feira, a Polícia Civil apelou aos bancos para que retirem dinheiro dos caixas eletrônicos à noite em cidades do interior do Estado.

Opine: você acha que tanto assalto a bancos acontece por falta de atuação mais firme da polícia ou, realmente, é um crime difícil de conter?

Confira mapa das explosões a caixas eletrônicos em SC


Visualizar Ataques a Caixas Eletrônicos em SC em um mapa maior

DIÁRIO CATARINENSE

Notícias Relacionadas

Onda de explosões 06/03/2012 | 18h26

Polícia apela a bancos para que retirem o dinheiro dos caixas eletrônicos à noite

Cúpula da segurança quer medidas contra "facilidades" de ação aos criminosos

Reação policial 06/03/2012 | 09h28

Reunião para discutir explosões a caixas eletrônicos em SC será às 15h desta terça

Balanço aponta 56 casos foram registrados em menos de dois anos

Onda de explosões 05/03/2012 | 14h34

Polícia registra pelo menos 56 ataques a caixas eletrônicos em SC desde 2011

Rotina se repete: nenhum bandido foi identificado ou preso

Segurança  05/03/2012 | 11h24

Caixa eletrônico arrombado na Grande Florianópolis não tinha dinamite

Dúvida durou 58 horas a partir do ataque de assaltantes no dia 1º

Onda de explosões 04/03/2012 | 22h49

Polícia registra pelo menos 56 ataques a caixas eletrônicos em SC desde 2011

Rotina se repete: nenhum bandido foi identificado ou preso

Caixeiros 04/03/2012 | 19h10

Caixeiros agem em Mafra e Monte Castelo, no Planalto Norte de SC

Assaltos foram realizados na madrugada deste domingo

 

Siga Diário Catarinense no Twitter

  • dconline

    dconline

    Diário CatarinenseTeliana Pereira vence alemã, fica com o título do Brasil Tennis Cup e faz história: http://t.co/SbKvgI9707 http://t.co/uJRXfUIzdBhá 28 minutosRetweet
  • dconline

    dconline

    Diário CatarinenseQuestão jurídica faz cidade catarinense empossar terceiro prefeito em três dias. Entenda: http://t.co/WdkUxW8ouqhá 2 horas Retweet
Diário Catarinense
Busca
clicRBS
Nova busca - outros