Versão mobile

12/03/2008 | 22h00

Polícia acaba com festa universitária em Lages

Evento ocorreu às margens de uma rodovia e não poderia vender bebida alcoólica

Enviar para um amigo
Polícia acaba com festa universitária em Lages Guto Kuerten/
Cerca de duas mil pessoas participaram da festa que durou o dia todo Foto: Guto Kuerten
Uma tradicional festa universitária foi fechada pela polícia na noite desta quarta-feira, em Lages, na Serra Catarinense. Motivo: o evento ocorreu em um sítio às margens de uma rodovia federal, com o livre fornecimento de bebidas alcoólicas, o que é proibido.

Uma operação com mais de 20 policiais militares e rodoviários federais foi montada a fim de cumprir a Medida Provisória 415, de 21 de janeiro deste ano, que veda a comercialização e o oferecimento de bebidas alcoólicas na faixa de domínio de rodovia federal ou em local contíguo à faixa de domínio, com acesso direto à rodovia.

A Festa da Nona é uma promoção dos acadêmicos da nona fase do curso de Medicina Veterinária da Udesc, e já se tornou tradicional em Lages.

Cerca de duas mil pessoas estavam na festa, em um sítio com acesso único pela BR-282, nas proximidades do bairro Vista Alegre, distante 10 quilômetros do Centro da cidade.

O evento tem por costume começar nas primeiras horas da manhã, sem momento certo para encerrar. Nesta quarta-feira, quando os policiais chegaram ao local, por volta das 19h15min, ainda havia centenas de jovens consumindo bebidas alcoólicas.

Pelo menos 300 caixas de cerveja foram consumidas, o que corresponde a mais de sete mil garrafas. Enquanto a PRF interrompia o fornecimento de bebidas, a PM conferia a legalidade da festa. Agentes da Polícia Federal, à paisana, também estavam infiltrados entre a multidão. 

— Não há nenhum documento que autorize a realização do evento. Além disso, recebemos denúncias de brigas. Assim, por questões de segurança, vamos encerrar a festa e mandar todo mundo embora —, disse o tenente Diego Marzo Costa, comandante do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) da PM.

Ninguém chegou a ser preso. A empresa responsável pelo fornecimento das bebidas será notificada e poderá ser multada em R$ 1,5 mil, conforme prevê a Medida Provisória. 

— Existe um mito de que há uma determinada distância da rodovia a ser respeitada. Nada disso. O local pode ficar a 100 quilômetros dali, mas se o único acesso for pela rodovia, como este caso, é proibido fornecer bebidas alcoólicas — explicou o inspetor César Gomes, da PRF.

Até às 21 horas, vários policiais ainda permaneciam nas proximidades do sítio para garantir a segurança na BR-282, já que muitos motoristas estavam bêbados.

Diário Catarinense

Comentar esta matéria Comentários (33)

MCM

Primeiro a festa nao é do curso de medicina veterinaria, sendo da nona fase de Agronomia e Veterinaria Segundo ninguem paga pelo ingresso e sim compra alimentos que sao totalmente doados as instituições de caridade da cidade de lages. e terceiro antes de escrever uma opinião exposta em um blog ou jornal os redatores deveriam certificar as informãções para nao dizerem besteiras como este site e tantos outros jornais!!! duas mil pessoas??piada.... a comunidade academica do cav chega a no maximo 1100 alunos nem todos vao e é uma festa fechada somente para convidados! queria ver se tivesse um casamento com bebida se a policia iria agir com tanto rigor!

17/03/2008 | 16h52 Denunciar

Naiara Antunes

Concordo que a organização faltou em encontrar outro lugar que não desrespeita-se tal Lei. Mas como alguns jornais comentaram 5 mil pessoas????Um pouco apelativo o modo de vender jornais, não??? E como ficam os Pagodes e demais festas, também serão fechadas por mais de 20 policiais Fortemente Armados???? como se ali houve-se traficantes e bandidos ...estão vendo muita TV...

16/03/2008 | 20h27 Denunciar

MARIO MARCIO DA PAZ

Pode ser frustrante ver uma festa ser interrompida desta forma. Mas é a lei. Absurdas ou não, as leis devem ser cumpridas. Alunos de curso superior deveriam se informar sobre a legalidade do evento e realizá-lo em um local permitido. Esta polêmica é vazia e desnecessária.

13/03/2008 | 23h47 Denunciar

ALUNOS DO CAV

A festa da nona é um evento realizado pelos academicos das nonas fases de todos os cursos do CAV- UDESC em Lages, que confraterniza a despedida dos mesmos. Ë festa privada para os academicos e professores, na qual os academicos contribuem com alimentos para formação de cestas basicas para comunidade carentes. As turmas da nona fase disponibilizam onibus para o transporte dos alunos do cav ate o local da festa, e para o retorno. ENtão porque a PRF não cumpre sua apenas sua função fiscalizar asBR?

13/03/2008 | 19h56 Denunciar

Yuri Brauner Guahnon

E é o nosso sempre servil jornalismo nos informando das ultimas badalações! Que vergonha, passar até mesmo em Telejornal. É certo que segurança é necessária, mas essa mesmo nível de segurança não existe nas festas à beira da rodovia do Rio Vermelho. A bebida não é gratuita, porém... Afinal, a Propriedade Privada, que tanto nos ensinam no Ensino Médio não é o mesmo caso das nossas tão bem escritas Leis? Documento que autorize a festa? "Além disso" receberam denúncias de brigas?

13/03/2008 | 19h51 Denunciar

alunos do cav

Queremos manifestar nosso repudio em relaçao a falta de bom censo por parte de nossos <comandantes>...Deslocar policiais de Floripa, pagar diarias, combustivel etc...para dar fim a uma confraternizaçao de colegas de faculdade é o fim da picada mesmo.Somos pessoas civilizadas, bastasse uma viatura chegar ao local e dar o ultimato que a festa seria suspensa. Agora deslocar policiais de Floripa, armados com fuzil é indignante e um ato de sensacionalimo para dar ibope à midia..Vao procura bandidos!

13/03/2008 | 19h29 Denunciar

cav

sao todos um bando de invejosos...quem reclama e é contra a festa é porque queria tar lá tb. pense fazer uma festa dessa nao é para qualquer um. os alunos do cav sao uns bebados é o que falam ,principalmente aqui em lages, mas por que será que o mercado de trabalho perfere os profissionais formados no cav-udesc do que os invejosos das particulares....

13/03/2008 | 19h28 Denunciar

Jackson

Sou a favor da intervenção policial. Lei é lei. E é a partir desses eventos que acontecem as grandes tragédias. Mas perguto: Como ficarão as confraternizações na associação da OAB Lages, que se localiza as margens da BR 282, entre outras associações como, CREA, Pinheirinho, CDL, E os Pagodes na chacará do Banespa???? haha quero só ver!

13/03/2008 | 15h43 Denunciar

CHARLES

O acesso a quelquer lugar é feito através de rodovias.. dããããã acho q tbm não posso beber nem na minha casa.. dããããããã

13/03/2008 | 13h52 Denunciar

Joao Rode

Por que somente algumas leis tem maior atenção das autoridades policiais? pelo que sabemos, os índices de violência e criminalidade na região serrana são preocupantes e não recebem a mesma atenção das polícias. Ora, mobilizar polícia federal, militar e civil para afugentar um bando de estudantes confraternizando pacificamente merece uma sindicância séria e isenta. Sabemos que há milhares de mandados a serem cumpridos pela polícia e a alegação para o não cumprimento é a falta de efetivo.

13/03/2008 | 12h56 Denunciar

Caroline Pucci

Alem disso, como dito no comentarioa anterior, a lei proibe a venda, distribuicao e consumo em locais onde o unico acesso é a rodovia?? Entao todo mundo que tem sitio nao podera mais fazer festa?? E a policia vai estar nesses locais vigiando, proibindo isso?? Esta certo mesmo, é muito mais importante proibir as pessoas de se divertirem do que a seguranca. A policia ja estava desde as 4h da manha procurando um motivo para acabar com a festa, deve ser bem essa sua funcao mesmo. Que Hipocrisia.

13/03/2008 | 11h46 Denunciar

Alunos do CAV

Amigos, Agradecemos a veracidade das informacoes contidas no jornal, pois lemos atigos em jornaizinhos de fundo de quintal dizendo que tinha 5000 pessoas, 15 pessoas em coma, e muitos outros absurdos! obrigado!!! Acredito que essa festa encomoda muita gente, pois cerveja de graça as 3 da tarde numa quarta feira não é pra qualquer um!!! afinal se a festa era a 10 km do centro que mal tem?

13/03/2008 | 11h44 Denunciar

JAIME

Festejo esta atitude das policias, que unidas dão um basta a estes eventos em que a "festa" é se embebedar, porem reflito que é neceSSÁRIO EDUCAR SOBRE A LEI E SUA CONSEQUENCIAS PARA NAO PUNIRMOS QUEM NUNCA CONSIDEROU .... PRA TODA CAUSA EXISTE UMA CONSEQUENCIA...

13/03/2008 | 11h42 Denunciar

Caroline Pucci

Como essa imprensa é sensacionalista!!!! Que loucura!!! Primeiro, 2000 pessoas, so se estivessem embaixo da grama, era impossivel ter esse numero, nem no pico da festa. Segundo, essa festa é uma tradicao da faculdade, organizada pelos alunos das NONAS FASES, tanto de Veterinaria quanto de Agronomia, exclusiva a convidados e alunos, autorizacao para uma festa particular??. Muito engracado, essas pessoas que nao conseguem entrar e ficam inventando historias alucinantes para ganhar alguma vantagem

13/03/2008 | 11h41 Denunciar

Carlos Furtado

Vive-se dizendo que as "autoridades" devem fazer alguma coisa para diminuir o número de acidentes nas estradas.Mas quando se tenta colocar ordem, coibir abusos, estabelecer responsabilidades, ou seja, fazer o cidadão assumir as consequências do que faz, todo mundo é contra. Corretíssima a atitude da polícia. Lei é para se cumprir. O que falta neste País não é vergonha na cara dos políticos e sim vergonha na cara da população. Ou algum político chega ao cargo sem o voto do povo?

13/03/2008 | 11h22 Denunciar

sandra

"FRASE NA CAMISETA DOS UNIVERSITÁRIOS" !NASCEMOS PARA CURAR E PRODUZIR! Tanta alegria, tanta espectativa.........para acabar dessa forma!

13/03/2008 | 11h07 Denunciar

sandra

Lamentável a atitude da policia, gostaria de saber como fazer para ir numa festa que passa pelas BRs, até o Ministro da Justiça esta revendo a Lei. A alegria desses acadêmicos que queriam de forma alegre se despedirem dos colegas, pois e a FESTA DA NONA, tão tradicional como a Festa do Pinhão, q esse ano tb não deve ter, Festa da Maçã, pois tds dependem da BR! Que esse fator não os deixem triste, vcs são VENCEDORES, formandos 2008!

13/03/2008 | 10h59 Denunciar

Floripa

É esse o tipo de festa que acaba em mortes, motoristas bêbados dirigindo em uma BR, depois vem a família dizendo, ele era tão bonzinho, como foi acontecer?? A PM tá certa, essa bebedeira podia acabar muito mal, imaginem 300 cxs de cerveja, e dizem que é só uma confraternização.

13/03/2008 | 10h14 Denunciar

Carlos C. Costa

Lei deveria ser para educar o motorista e não prejudicar o comerciante estabelecido proxima a rodovia. Observem o exemplo citado por nosso senador Mão Santa (PMDB-PI) sobre a MP que proibe a venda. "A medida diz que é proibido bebida nas estradas. Mas o LUIZ INACIO vai no Aerolula. Ele bebe, ele toma umas. Não é só ele não. Eu também gosto de viajar. Eu tomo umas. Eu acho que empato com ele. Não é mal não". Vamos cuidar da segurança educar motoristas fiscalizar, quem quer beber procura.

13/03/2008 | 09h33 Denunciar

Elcio Junior

Eu acho que o trabalho poderia ter sido feito de forma diferente, já que a função da policia rodoviaria e fiscalizar a rodovia, como gerou toda a polemica de que os policiais deveriam estar cumprindo mandados de prisão, devemos verificar a função de cada policia..., não quero defender a policia que tambem deixa a desejar, mas imaginem se seu filho esta nessa festa e sai dirigindo totalmente alcolizado por uma rodovia federal, quantas vidas ele põe em risco? "dirigir alcolizado é crime"...

13/03/2008 | 09h25 Denunciar

Edson Carlos Petini de Lima

Olha na minha opinião lei foi feita pra ser cumprida, só nao achei justo a empresa que forneceu a bebida ter que pagar a multa pois tenho certeza de q nao foi ela que organizou a festa , deveria cada um que estava na cabeça da organização pagar uma multinha de R$ 1500,00 ... Não sou hipócrita mas não esqueçam LEI é pra se cumprir .

13/03/2008 | 09h16 Denunciar

Ilton Rotta

Exatamente Gelson, para a justiça é mais fácil punir jovens em uma festa do que prender bandidos e cumprir mandatos de prisão. E alem de tudo quem leva a culpa é a distribuidora de bebidas? p* que pariu....o que eles tem a ver com isso??? essa lei vai ser como os radares. Ficam fiscalizando uns tempos depois param, dai quando o governo precisar de dinheiro irão fiscalizar novamente... tropa de bandidos...

13/03/2008 | 09h09 Denunciar

Jorge

Apenar gostaria de ter certeza que o mesmo rigor e organização serão usados por ocasião da Festa do Pinhão. Talvez nesse caso, por envolver interesses da prefeitura e por envolver muito $$$, seja encontrado um jeitinho,como uma autorização especial ou algo do tipo.

13/03/2008 | 09h03 Denunciar

carlos eduardo nascimento

deixa a gurizada se divertir. ha mais de 10 anos que essa festa ocorre e nunca teve incidentes. meu filho estava presente e sei que o local é seguro.

13/03/2008 | 08h43 Denunciar

Gean

Isso tudo é culpa do povo. Depois de tantas campanhas educativas que não surtiram efeito, o governo teve que tomar essa medida dura.ue tomar essa medida dura. Eu aprovo!!! Viajo muito pelas rodovias e cansei de ver motoristas bebendo em postos de combustível pra depois pegar a estrada. E não digam que a polícia não trabalha, pois as cadeias lotadas são a prova de que os bandidos estão sendo presos, na medida do poss

13/03/2008 | 08h36 Denunciar

carlos

Está certo, depois saem podres de bebados na rodovia, e matam inocentes...

13/03/2008 | 08h32 Denunciar

Paulo Jorge Piccoli

Na próxima vez não esqueçam de convidar o sargento, tenente, capitão e amigos deles, e a mim também é claro !... Que lei mais ridícula e ineficiente ... Será que não podem ao menos copiar de algum país civilizado onde a lei é clara e usa-se com rigor o bafômetro ???...

13/03/2008 | 07h58 Denunciar

Ademir

Pois é...não queriam o LULA LÁ...??? agora guentem esses absurdos...!!!

13/03/2008 | 07h42 Denunciar

Ulisses Gomes

Sou universitário, gosto muito de balada, porém acho que uma lei como está demorou a ser criada, e que a policia não deveria nem deixar a festa começar, ou pelo menos chegar no inicio, pois naquele momento pelo visto muita gente já esta alcoolizada. Penso tambem que deveria fiscalizar os motorista quando saem das festa indiferente do local, garanto que ira faltar bafometro porém salvar vidas. Afinal pelo visto hoje a unica forma de assassinato permitido no Brasil é em acidente de transito.

13/03/2008 | 07h33 Denunciar

sandra selinke

Muito bem... os militares, estão salvando a vida,dos jovem e de outros que trafegam pelas brs, da vida. Sempre sera um saldo positovo.Porque não proiber a bebida cachaça em forma de cerveja,acompanhada de drogas....viva a policia

13/03/2008 | 07h20 Denunciar

Marco Roennau Filho

essa lei é como varias outras que existem no Brasil, e não é claro, por exemplo o único acesso de Florianópolis é através da BR 282, então é vedada a venda de bebidas alcoólicas na cidade?

13/03/2008 | 00h24 Denunciar

Gelson Tomiello

"Mais de 20 policiais militares e rodoviários federais". Tudo isso por causa de uma festa de acadêmicos??? É por isso que o país vive uma crise na segurança pública. Falta de razoabilidade e proporcionalidade. Enquanto isso, existem milhares de mandados de prisão de assassinos e ladrões não cumpridos no Estado. Se não tinham o que fazer, poderiam fiscalizar melhor as rodovias e motoristas bêbados. País de constrastes.

12/03/2008 | 22h57 Denunciar

GELSON TOMIELLO

Se a notícia for fiel aos fatos, isso só vem a confirmar a deficiente formação da polícia brasileira, o que a leva a cometer arbitrariedades sem fundamento jurídico. O inspetor César Gomes, da PRF, se deu aquela declaração demonstra inaptidão para a função. Ele acaba de declarar a "lei seca" no Brasil. "Se o único acesso for pela rodovia, como este caso, é proibido fornecer bebidas alcoólicas". Existe algum lugar no Brasil que não é possível chegar sem ser por uma rodovia? Lamentável.

12/03/2008 | 22h48 Denunciar

Siga Diário Catarinense no Twitter

  • dconline

    dconline

    Diário CatarinenseHomem é esfaqueado dentro de supermercado em Florianópolis http://t.co/JrnwP7q4AGhá 11 horas Retweet
  • dconline

    dconline

    Diário CatarinenseDomingo com previsão de chuva ao amanhecer e sol pela tarde. http://t.co/2yI3sHnU08há 13 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros