Por reajuste salarial06/03/2014 | 16h59

Mineiros entram em greve no Sul de Santa Catarina

Paralisação envolve 1,5 mil trabalhadores de cinco empresas carboníferas

Enviar para um amigo

Cerca de 1,5 mil mineiros paralisaram as atividades em cinco empresas carboníferas das cidades de Siderópolis e Treviso, no Sul de Santa Catarina, nesta quinta-feira. Conforme Genoir dos Santos, presidente da Federação Interestadual dos Mineiros no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, duas reuniões aconteceram, porém nenhuma proposta foi consolidada e a greve continua por tempo indeterminado.

Os trabalhadores reivindicam ajuste salarial de 10% mais inflação, enquanto a classe patronal oferece 1,4% de aumento. Na pasta de reinvindicações também estão plano de saúde, cesta básica e atendimento particular para trabalhadores acidentados.

Santos afirma que, se não houver acordo, o restante dos mineiros de Santa Catarina, que seriam mais 3 mil trabalhadores, também irão aderir à paralisação no dia 10 de março. Ruy Hulse, presidente do Sindicato da Indústria de Extração de Carvão do Estado de Santa Catarina (Siecesc), defende que o aumento solicitado pelos trabalhadores é "irreal".

— Não temos condições de conceder um aumento desse porte. Ao longo dos últimos seis anos, eles tiveram aumento real de 14%.

Hulse afirma que foi feita uma proposta para conceder vale-alimentação e um ganho de resultados sobre indicadores, mas não foi aceita pelos trabalhadores. A classe patronal pediu a intervenção da Justiça para tentar solucionar o impasse do dissídio coletivo da categoria. Em 2009, os mineiros ficaram em greve por quatro dias.

Fornecimento para Tractebel Energia

Conforme Hulse, há uma preocupação com o fornecimento de carvão para a Tractebel Energia, que já foi comunicada para o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). O presidente da Federação Interestadual dos Mineiros afirma que as cinco empresas carboníferas correspondem a 57% do total de carvão entregue à Tractebel.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga EconomiaDC no Twitter

  • EconomiaDC

    EconomiaDC

    EconomiaDCReceita devolverá imposto retido após confusão com cota http://t.co/nNXzoscPrEhá 5 horas Retweet
  • EconomiaDC

    EconomiaDC

    EconomiaDCCelesc solicita reajuste de 20,49% nas contas de energia http://t.co/Ka1tAvw2n0há 22 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros