Polêmica22/02/2014 | 01h23

Leitores comentam sobre pessoas que fazem justiça pelas próprias mãos

Enviar para um amigo

Justiça tem que ser feita pelo poder judiciário. Não é responsabilidade do cidadão julgar. Nem educar, nem curar doenças. Por isso existem as instituições que julgam (tribunais), que educam (escolas) e que tratam de saúde (hospitais). Caso contrário estaríamos na era Medieval. O Estado não pode se eximir, temos que cobrar a presença do Estado. Pagamos impostos, agora falta exigir soluções e qualidade das instituições públicas. E não regredir na história, voltando à Idade Média. O caminho é em frente.
Amanda Trentini
Blumenau

Não deveria acontecer, mas não digo que não faria. Acho que no lugar de um dono de estabelecimento assaltado, eu iria sim, se tivesse oportunidade, fazer essa tal justiça com as próprias mãos. Junior Fagundes Florianópolis Para uma sociedade organizada este tipo de atitude é um sinal de que chegamos ao "fundo do poço". No entanto, parece-me ser a única saída, levando em conta a sensação de insegurança. Além disso, a imprensa em geral e os direitos humanos estão sempre de plantão, defendendo os criminosos de forma incondicional.
Adilson Kirchner
Blumenau

Plenamente de acordo porque é a única forma de reagir a fatos de consequências imprevisíveis e indesejáveis. Aguardar a participação da Justiça é chover no molhado. Os nossos órgãos de segurança com lotação reduzida não oferecem o mínimo de garantia, é só acompanhar o noticiário diariamente. Os assaltos e a violência assaltam nossos olhos e ouvidos. Temos que estar preparados para reagir, porque os bandidos estão. Eles andam armados, mas o cidadão de bem não pode. Está certo?
João Gasparino
Florianópolis

Não acho correto, mas penso que isso seja fruto da descrença na Justiça brasileira. Se ela não estivesse beneficiando indivíduos como esse, talvez isso não tivesse acontecido. Paulo Eduardo Julio Brusque Não concordo, isso é crime. Estamos nos tornando bárbaros? Não cabe à população esse tipo de atitude, quem está incumbido disso é a polícia, é deles que precisa ser cobrado. A questão não é "adote um bandido", mas deixar um homem nu preso a um poste e ver a maioria da população aplaudir este tipo de atitude é preocupante. Somos seres racionais, não nos esqueçamos.
Claudia Rodrigues
Tubarão

Quando o Estado deixa de cumprir sua obrigação (segurança) cabe à sociedade unir-se e fazê-la. Vários anos os políticos falam em reduzir a idade penal, mas quando vão ter a consciência de que só assim evitaremos muitos crimes? Leonyr Jacomel Campos Novos Esse tipo de atitude que está sendo deflagrada pela população nada mais é do que uma resposta à impunidade que vivemos com a aplicação de nossa legislação ultrapassada. O crime é crescente, as pessoas estão ficando com medo.
Celso Corrêa
São José

Lógico que não deveria ser assim, mas é o que resta à sociedade. Como a impunidade é a palavra de ordem, não nos resta outra alternativa senão praticar a legítima defesa da sociedade. Basta observarmos que grande parte desses marginais são reincidentes. Mas na opinião do nosso Judiciário, o mais importante é garantir o direito do acusado. Rafael Oliveira Joinville Concordo sim. A polícia já não dá mais conta. Tem demais. A população já não aguenta mais ver bandido no poder e bandido na rua. Ivan Rocha Mafra Concordo, pois a polícia não dá conta das ocorrências.
Tania Marmitt
Chapecó

Violência gera violência. Isso não vai adiantar nada. Não vai levar a nada. É educação, ao longo do tempo, que vai dar jeito nesta situação. Maria Elisabeth Garcia Rombo Tubarão Esta imagem representa a realidade por outro prisma, como se a sociedade estivesse amarrada e bandidos nos acorrentando. Está na hora de mudar as leis, torná-las mais severas. Neste momento, não temos saída, é olho por olho. Moacir Correa Balneário Camboriú Não concordo com a justiça pelas próprias mãos. Contudo, não condeno as pessoas que adotam essa prática, porque o Estado está ausente como executor das leis e como legislador.
Élói Inácio Carmezini
Biguaçu

É papel do Estado punir os infratores, pois para isso pagamos os impostos. Se o Estado é omisso, e não consegue punir com rigor e fazer cumprir as leis, estamos em uma anarquia, onde o bandido faz o que quer com a certeza que nada acontecerá.
Erlei Assis
Florianópolis

Notícias Relacionadas

Comentar esta matéria Comentários (1)

Eduardo

Não deveria acontecer, mas o povo está cansado da ausência do Governo em saúde, educação, segurança, etc... Acho quem fica com "pena" do bandido, pego em flagrante pelo povo, deveria adotá-lo e levá-lo para casa. "adote um preso e ganhe desconto no IPRF"

22/02/2014 | 12h42 Denunciar

Siga Diário Catarinense no Twitter

  • andreluizbondav

    andreluizbondav

    andre luiz bondavali@dconline EU GOSTARIA QUE O PROCURADOR AGISSE ASSIM COM AS FILAS DE CIRURGIAS QUE É UMA VERGONHA.há 5 minutosRetweet
  • dconline

    dconline

    Diário CatarinenseSegundo dia de greve: procurador pede penhora de bens dos sindicatos do transporte, caso não seja paga a multa de R$ 100 mil por dia...há 9 minutosRetweet
Diário Catarinense
Busca
clicRBS
Nova busca - outros